Um pouco mais sobre jornalismo e produção de conteúdo web

Por Mauricio Louro – Conteúdo é tudo aquilo que se produz e se disponibiliza para o acesso do usuário. Assim, um texto jornalístico é conteúdo, bem como uma imagem ou um vídeo. Isso também é conteúdo. O mesmo acontece com anúncio, uma publicidade, um game, um e-book, uma logomarca… Tudo isso é conteúdo.

É importante que você saiba para quem está produzindo conteúdo. Isso facilita na hora de passar a mensagem que você quer passar, pois o conteúdo será “embalado” com um determinado objetivo. Isso ajuda também na hora de decidir a linguagem que será utilizada. Sem falar na forma de passar o conteúdo, que é o mais importante. Estabelecer essa afinidade é fundamental.

Agora, estamos prestes a dar um novo passo: como pensar a produção de conteúdo?

“Jamais será apenas um jogo”. Mexer com a emoção é uma boa técnica para a produção de conteúdo

Alguns formatos já são consagrados na internet. Certos casos viraram até clichê, mas funcionam que é uma beleza. Quem ainda não viu, por exemplo, uma imagem de algum post sobre futebol com apelo emocional e a frase fatídica: “Não é apenas um jogo”. Já existe, inclusive, uma página no Facebook com esse nome.

Mas há inúmeros formatos, como listas (“10 formas de produzir um bom texto para a web”), tutoriais ou “como fazer”, mitos. Enfim, isso exige exercício de criatividade, semelhante ao que comumente se vê em reuniões de pautas – se é que se faz isso ainda nas redações.

Colocar o público no lugar da notícia também funciona. Algo como usar a história que você para contar dando um enfoque mais ou menos nessa linha: “o que você faria se…” Como foi dito: é preciso fazer um exercício de criatividade.

Acho que já deu para perceber também a importância que tem uma boa chamada para levar o público até o conteúdo. As dicas básicas são não enrolar e muito menos mentir. Nada de gerar expectativa acima daquela que está na chamada para uma notícia. O melhor é trabalhar preferencialmente com o inusitado.

Vale dizer que nada vai tirar a força de uma notícia bombástica. Isso não mudará jamais. O problema é que, na maior parte do tempo, as notícias são triviais. Mais uma vez, convém ressaltar o valor da criatividade. No fim, o esforço será compensado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *